Contact
Subscribe to our newsleter
Free Design Software
rfq rfq

FICHA TECNICA

  • Nova York
  • EUA
  • Arquitecto :
    Foster and Partners
  • 2003-2006
  • Promotora :
    Hearst Corporation
  • Engenharia :
    Cantor Seinuk Group
  • Constructora :
    Turner Construction
  • Fotógrafo :
    Chuck Choi e Nigel Young
  • WWW

LINKS

Hearst Tower


A Sede da empresa de comunicações Hearst reviveu o sonho da década de 1920, quando seu proprietário, William Randolph Hearst, imaginou o Columbus Circle como um novo bairro cheio de vida para as empresas de Manhattan, Nova Iorque.

Hearst encomendou um bloco em Art Déco de seis andares na 8ª Avenida para alojar a sede do seu império editorial. Quando ficou pronto, em 1928, ele previu que o prédio viria a constituir a base de uma torre de referência.

O escritório Fostners & Partners assumiu o desafio de conceber a torre que sonhou Hearst, conectada à construção de 80 anos atrás, estabelecendo um diálogo criativo entre o antigo e o novo, fazendo eco à abordagem desenvolvida para projectos como o Reichstag, em Berlim (Alemanha) e para a Great Court do British Museum, em Londres (Grã Bretanha).

O novo edifício

A torre de 42 andares eleva-se sobre o edifício antigo, estando ambos ligados exteriormente por painéis de vidro transparente que inundam de luz natural os espaços subjacentes e ajudam a criar a impressão de que a torre flutua, leve, acima da base. Em termos de espaço, o elemento mais marcante é um átrio que ocupa toda a base e se projecta ao longo de seis andares. Como uma tumultuosa praça de cidade, este surpreendente espaço fornece o acesso a todas as partes do edifício. Inclui o átrio do elevador principal, a cafetaria e o auditório Hearst e andares intermédios em mezanino para reuniões e eventos especiais.

Em termos estruturais, a torre tem uma forma triangular – uma solução altamente eficaz que limita o volume de aço da estrutura e ressalta as proporções verticais, criando uma silhueta facetada e única.

Sustentabilidade

O novo edifício também é único em termos ambientais. Foi construído utilizando 85 % de aço reciclado e projectado para consumir 26% menos de energia que o consumo mínimo regulamentado no Estado e na cidade. Consequentemente, é o primeiro edifício de escritórios da cidade que recebeu a medalha de Ouro do programa Leadership in Energy and Environmental Design (LEED, em inglês Liderança em Energia e Projecto Ambiental) do US Green Buildings Council (Conselho para os Edifícios Verdes dos EUA).

O aço na Torre Hearst

Os perfis de aço da obra foram feitos com o aço Histar e são utilizados no sistema de contraventamento. Estão expostos na fachada sob a forma de linhas diagonais e em todas as faces do arranha-céus. Com efeito, estes membros estruturais estão inclinados e funcionam ao mesmo tempo como contraventamento e colunas de apoio.

Chamado de "diagrid" (malha diagonal), este modelo de sistema estrutural é extremamente eficiente em termos de peso, pois contém aproximadamente 20% menos de aço do que uma estrutura perimetral convencional – economizando-se assim cerca de 2 mil toneladas de aço. O peso do aço estrutural é de, aproximadamente, 10 mil toneladas. O revestimento externo da malha em diagonal da torre é em aço inox perfilado.

Prémio Internacional

No dia 14 de Novembro de 2008, o arquitecto inglês Norman Foster recebeu o International Highrise Award em Frankfurt, na Alemanha, por este projecto.


Informação complementar

Arquitectos
Foster and Partners: Norman Foster, Brandon Haw, Mike Jelliffe, Michael Wurzel, Peter Han, David Nelson, Gerard Evenden, Bob Atwal, John Ball, Nick Baker, Una Barac, Morgan Fleming, Michaela Koster, Chris Lepine, Martina Meluzzi, Julius Streifeneder, Gonzalo Surroca.
Arranjos exteriores
Norman Foster, Brandon Haw, Mike Jelliffe, Chris West, John Small, Ingrid Solken, Michael Wurzel, Peter Han.
Arquitecto Associado
Shell and Core, Adamson Associates e Gensler

Serviços/Instalações
Flack & Kurtz

Iluminação
George Sexton, Kugler Associates
Powered by aware